Uma das melhores coisas de se estar no setor de TI é ver e participar de mudanças empolgantes. A nova economia digital trouxe muitas mudanças desse tipo, forçando as empresas e suas infraestruturas de TI a reagir de formas novas para atender a demandas novas. Quando o assunto é a nuvem, as mudanças são tão dinâmicas quanto ela mesma.

Pesquisas indicam que 81% das corporações estão adotando uma estratégia de múltiplas nuvens com uma combinação de soluções em nuvens privadas, públicas e híbridas, de vários provedores1. Com essa grande migração para múltiplas nuvens, a pergunta é: como as empresas podem garantir que suas aplicações e dados fiquem disponíveis nos novos modelos de múltiplas nuvens que estão adotando? Antes de responder a essa pergunta, veja algumas estatísticas que destacam a desvantagem da disponibilidade baixa:

  • 66% das corporações admitem que as iniciativas de transformação digital estão sendo refreadas devido ao tempo de inatividade não planejado2
  • 21,8 milhões de dólares é a média do custo financeiro das lacunas de disponibilidade e proteção para as corporações3
  • 60% das empresas dos EUA que sofrem um ataque cibernético também sofrem com perda de dados4

Felizmente, há algumas medidas que as empresas podem tomar para garantir a disponibilidade ideal. Veja três melhores práticas fundamentais para a disponibilidade em múltiplas nuvens a serem consideradas:

1. Aproveite a nuvem para o backup e recuperação de desastres de seus dados locais

Um bom começo de qualquer estratégia de disponibilidade é garantir o cumprimento da Regra 3-2-1, ou seja, ter pelo menos três cópias dos dados, duas delas locais, mas em mídias diferentes e, pelo menos uma cópia externa. As empresas com uma estratégia de múltiplas nuvens estão em posição ideal para aproveitar a nuvem em uma abordagem 3-2-1 e otimizar quaisquer sistemas de backup legado com a nuvem. A Veeam permite que as empresas aproveitem qualquer provedor de nuvem pública, incluindo AWS, Microsoft Azure e IBM Cloud, ou um provedor de serviços gerenciados, para proteger seus dados externamente ou obter uma solução de recuperação de desastres para atender aos requisitos de RTO e RPO.

2. Proteja os dados que já estão na nuvem

É importante ter controle e proteção sobre os dados já implantados na nuvem. Muitas empresas precisam reter os dados de e-mail, por exemplo, por períodos extensos por questões regulamentares e de conformidade. Quer você esteja usando uma solução SaaS, como o Microsoft Office 365, quer hospede sua aplicação de e-mail em IaaS, é fundamental ter uma proteção contra exclusão acidental, paralisação ou ataque malicioso. Soluções de disponibilidade como as da Veeam ajudam a obter proteção com cópias de seus dados em outro local - seja localmente, seja um data center na nuvem diferente.

3. Replique e migre aplicações e dados dentro de sua nuvem

Em uma estratégia de múltiplas nuvens, é mais provável que seu ambiente inclua aplicações "nascidas na nuvem". Poder replicar essas aplicações para proteção e recuperação de dados será fundamental para garantir que elas se mantenham em operação no caso de tempo de inatividade inesperado. Por exemplo, talvez você execute sua aplicação baseada na nuvem no data center da IBM Cloud em Houston, Texas, EUA. Com a Veeam, você pode replicar e migrar facilmente essa aplicação para qualquer um dos mais de 50 data centers da IBM Cloud ao redor do mundo, esteja ele em Dallas, São Paulo, Milão, Frankfurt, Tóquio ou Hong Kong, ou para qualquer data center em sua nuvem para atender a suas necessidades de proteção e migração de dados.

Com a adoção de múltiplas nuvens em impulso total, é mais importante que nunca ter uma estratégia e plano de disponibilidade. Lembre-se dessas abordagens ao avaliar como você vai habilitar a disponibilidade em todo o seu ambiente de múltiplas nuvens, para poder acelerar a inovação com confiança, sem se preocupar com interrupções em seus negócios.

Você pode começar a formar uma estratégia de disponibilidade para seu ambiente de múltiplas nuvens visitando nossa página dedicada.

1 Fonte: ESG, 2017 Public Cloud Computing Trends (tendências na computação em nuvens públicas de 2017), abril de 2017
2 Fonte: Veeam 2017 Availability Report
3 Fonte: Veeam 2017 Availability Report
4 Fonte: Half of U.S. Businesses Report Being Hacked (Metade das empresas dos EUA relatam terem sofrido com hackers)

GD Star Rating
loading...
Conseguindo disponibilidade na era das múltiplas nuvens, 5.0 de 5 baseado em 1 avaliação

Veeam Availability Suite — Faça o download da versão de avaliação gratuita de 30 dias

FAÇA O DOWNLOAD AGORA