Com o Veeam Backup & Replication 9.5 Update 2, nós lançamos a nossa integração com Cisco HyperFlex. A integração aproveita a nossa tecnologia de Backup a partir de storage snapshots para otimizar a transferência de dados para backups da Veeam, assim como replicações. Desde o anúncio, recebi feedback positivo e perguntas sobre a integração. É por isso que decidi responder às perguntas mais frequentes nesta postagem de blog. Uma visão geral resumida da integração já foi realizada pelo meu colega Michael Cade no começo do ano.

Além desta postagem de blog, já começamos a trabalhar no guia de melhores práticas e implementação, então fique de olho e confira o nosso site com frequência.

Por que a Veeam faz integração com o Cisco HyperFlex?

O principal motivo pelo qual a Veeam começou a integrar com armazenamento arrays, independente se é Cisco HyperFlex ou qualquer outro armazenamento que suportamos, é evitar ou ao menos minimizar o tempo de snapshots de Redo-Log VMware (snapshots de VM VMware nativos).

Se executar um backup de VM sem a integração, o fluxo de trabalho sempre criará um snapshot Redo-Log VMware. A Veeam lerá todos os dados enquanto o VMware redireciona todas as gravações ao arquivo de Redo-Log e depois que o backup/réplica for concluído, o snapshot da VM será excluído como mostra o gráfico abaixo à esquerda. Em particular, a exclusão do snapshot de VM pode demorar muito e consumir uma quantidade importante de recursos de armazenamento até a conclusão.

Cisco HyperFlex integration

Usar a integração com Cisco HyperFlex evita completamente os snapshots de VM VMware. Como se pode ver no lado direito do gráfico acima, o fluxo de trabalho criará um snapshot Cisco HX. A Veeam lê todos os dados dos snapshots e depois que o backup/réplica for concluído, o Cisco excluirá o snapshot HX que praticamente não causa impacto algum na VM ou no resto da produção.

Com isso, a integração da Veeam com Cisco HyperFlex é a única em que não se precisa mais dos snapshots VMware.

Quais são os requisitos e quais recursos da Veeam podem ser aproveitados com Cisco HyperFlex?

Antes de ir em frente e experimentar a integração, observe os seguintes requisitos. 50% das perguntas e erros que recebo são porque pelo menos um dos requisitos seguintes está faltando:

  • VMs residem em um Cisco HyperFlex 2.0ou um cluster mais novo (versões HX < 2.0 não são suportadas)
  • Veeam Backup & Replication 9.5 Update 2ou mais novo instalado no servidor de backup
  • Licença para o Veeam Backup & Replication Edição Enterprise Plus instalada no servidor de backup
  • Sistema de armazenamento Cisco HyperFlex adicionado à infraestrutura de armazenamento da Veeam, e vCenter Server adicionado à infraestrutura virtual
  • Proxy de backup configurado adequadamente na infraestrutura de backup
  • A VM não deve possuir nenhum snapshot nativo VMware antes que a primeira tarefa comece
  • A opção “Habilitar backup a partir de storage snapshots”deve ser selecionada nas configurações da tarefa
  • Quando usar Backup a partir de storage snapshot por NFS:
    • O servidor de proxy da Veeam deve ter acesso ao Cisco HyperFlex NFS Backend
    • As portas necessárias do VMware Firewall devem estar abertas para o backup IOVisor (consulte Artigo do Helpcenter)

Hoje, a Veeam suporta Backup a partir de storage snapshots com Cisco HyperFlex. Todos os outros recursos relacionados com armazenamento, como Veeam Explorer para Storage Snapshots, On-Demand Sandbox from Storage Snapshots, tarefa somente para snapshot, etc. não são suportados. É claro que você pode usar todos os recursos normais que aproveitam o backup da Veeam.

Como faço para configurar a integração do Cisco HyperFlex?

A integração do Cisco HyperFlex é como qualquer outra integração de armazenamento da Veeam. Para nós, Cisco HyperFlex não é um sistema hiperconvergente, mas é visto como um sistema de armazenamento. É por isso que é preciso navegar até “Infraestrutura de armazenamento” dentro da sua instalação de Veeam Backup & Replication para adicionar o sistema Cisco HyperFlex. Após selecionar “Adicionar armazenamento” aparecerá o assistente a seguir:

1. Selecione “Cisco HyperFlex”

Cisco HyperFlex integration

2. Adicione o endereço de IP de gerenciamento do Cisco HyperFlex da plataforma de dados

Cisco HyperFlex integration

a) Para encontrar o endereço IP necessário, basta abrir as configurações avançadas de Cisco HX dentro do seu webclient VMware

Cisco HyperFlex integration

b) O IP necessário se encontra aqui

Cisco HyperFlex integration

3. Defina as credenciais de login para o gerenciamento

Cisco HyperFlex integration

4. Opcional: Defina as proxies da Veeam que serão usadas para este cluster

Cisco HyperFlex integration

5. Encerre o assistente

Cisco HyperFlex integration

Depois de encerrar o assistente, você verá a seguinte caixa de diálogo que adiciona o sistema Cisco HyperFlex para a instalação Veeam.

Cisco HyperFlex integration

Se não aparecer nenhuma mensagem de alerta aqui, o motivo mais provável é que o seu servidor de proxy da Veeam não tem acesso aos dados NFS de backend ou as portas do VMware Firewall não foram abertas. Mais detalhes nas próximas perguntas.

Que acesso é necessário, na proxy da Veeam, para fazer funcionar o Backup a partir de storage snapshots?

A integração da Veeam com Cisco HyperFlex funciona com todos os modos de transporte de dados disponíveis.

Cisco HyperFlex integration

 

Não importa se você usa NFS (1, 2) como protocolo de transporte ao acessar a rede de dados de backend do Cisco HyperFlex ou se usa os modos normais de transporte Hot-Add (3) e NBD (4), a Veeam sempre usará um snapshot Cisco HyperFlex como uma origem.

Para NBD e Hot-Add, não é necessária a configuração adicional. Depois que o sistema Cisco HX for adicionado à instalação da Veeam, os snapshots Cisco HX serão usados automaticamente.

Para NFS como modo de transporte, há duas formas de acessar os dados:

  • Backup a partir de storage snapshots por IO Visor em hosts ESX(i) (1): O IO Visor é um módulo de software do Cisco HyperFlex software, que é executado em todo host ESXi que fizer parte do cluster Cisco HyperFlex. Ele apresenta os armazenamentos de dados NFS do HyperFlex aos hosts ESX(i) e otimiza o caminho dos dados no cluster HyperFlex. O backup por IO Visor é o método preferencial, já que oferece a alta velocidade de leitura de dados de VM e divide a carga por todo o cluster HyperFlex.
  • Backup a partir de storage snapshots por HyperFlex Controller Cluster IP (2):Neste modo de processamento, todo o tráfego fica a cargo de um controlador HX com o HyperFlex Controller Cluster IP.

Cisco HyperFlex integration

Não importa qual modo NFS você usar, o proxy da Veeam precisará acessar a rede de dados NFS de backend do Cisco HX. O gráfico acima mostra quais redes são acessadas pelo servidor de proxy da Veeam. Costumo dizer: configure seu servidor de proxy da Veeam com o mesmo acesso de armazenamento e gerenciamento como gostaria de fazer com um host ESXi adicional.

O HyperFlex Controller Cluster IP não requer nenhuma confirmação adicional já que todas as comunicações necessárias serão realizadas pelas APIs da Cisco e da Veeam.

Para o backup IO Visor, você precisa abrir portas específicas do VMware Firewall, já que o servidor de proxy da Veeam precisa acessar um módulo em execução dentro do VMware ESXi. Informações sobre como abrir as portas necessárias estão na próxima pergunta.

Como faço para abrir as portas necessárias do VMware Firewall?

O Cisco HyperFlex IO Visor é um componente de software, que é executado em todos os hosts ESXi dentro de um cluster Cisco HyperFlex. Funciona como um servidor NFS para tráfego da Veeam.

É preciso permitir o tráfego de NFS das proxies de backup para os hosts ESXi. Como a comunicação de NFS baseada em Cisco IO Visor usa portas dinâmicas, é necessário criar uma regra de firewall de ESXi com as portas de entrada 0-65535 e listar os endereços de proxy de backup como endereços IP permitidos.

É possível fazer isso de três formas:

  • Crie um arquivo de extensão de host VIB de host VMware ESXi que gere a regra do firewall, instale/habilite isso em todos os hosts e defina os endereços IP de proxy de backup como permitidos. Para mais informações, consulte o artigo da KB 2291.
  • Use um arquivo VIB de extensão de host VMware ESXi do projeto GitHUB da Comunidade Veeam. Para mais informações, consulte o artigo da KB 2298.
  • Use a interface de linha de comando do ESXi para criar uma regra temporária de firewall (até a próxima reinicialização do host ESXi). Para mais informações, consulte o artigo da KB 2299.

Conclusão

Como você pode ver, a integração é avançada e há muitos detalhes quando se trata da configuração. O Veeam Backup & Replication 9.5 Update 2 oferece disponibilidade para Cisco HyperFlex 2.0 ao fornecer um fluxo de trabalho otimizado de backup e replicação, a fim de reduzir os objetivos de tempo e ponto de recuperação (RTPO), para menos de 15 minutos, para todos os aplicativos e dados em execução por cima dele.

Estes são alguns links úteis, incluindo nossos recém-lançados designs com validação Cisco:

GD Star Rating
loading...

Veeam Availability Suite — Faça o download da versão de avaliação gratuita de 30 dias

FAÇA O DOWNLOAD AGORA